domingo, 28 de novembro de 2010

experiência

na vida a gente tem experiência
há gente que conhece amor
e quem só ignorância
gente que dá carinho
e tem quem não dá importância


da vida, leva experiência
tem quem não leva nada?
quem só tem um cobertor
gente de saco cheio,
transbordando inconseqüência


se a vida fosse uma ilha
fugiria que fosse à nado
teria barco alugado
cruzeiro pra maré mansa
e pobre morrendo afogado


eu fugi, vou dar um passeio
pode ser que eu retorne
vou participar de um torneio
ganha quem corre primeiro
sem juiz, "tampoco" inocência


não vou levar desaforo
nem beijo de noiva escarrado
não levo esse papo-furado
pirado, em fuga (ao acaso?)
levando a bagagem de mim


no fim, a inexperiência
é a vivencia da fuga
do sono forçado no leito
o punhal conservado no peito
o medo que suga a vivencia

Nenhum comentário: